Polícia Federal indicia funcionários da Vale por tragedia em Brumadinho | Rede Ilha FM
últimas Notícias

20 de set de 2019

Polícia Federal indicia funcionários da Vale por tragedia em Brumadinho

PF indiciou Vale e TÜV SUD por tragédia de Brumadinho (Foto: Divulgação)

A Polícia Federal (PF) indiciou, na noite de quinta-feira (19/09), sete funcionários da mineradora Vale e seis membros da consultora TÜV SÜD pelos crimes de falsidade ideológica e uso de documentos falsos envolvendo a tragédia de Brumadinho. As duas empresas também foram indiciadas. Os nomes dos indiciados, porém, ainda não foram divulgados.

De acordo com a PF, o crime de falsidade ideológica ocorreu quando funcionários das duas empresas celebraram contratos, utilizando informações falsas contidas nos documentos de Declaração de Condição de Estabilidade (DCE), feitos em 2018. Já a falsificação de documentos foi apontada em razão de dois registros de declarações de estabilidade, documentos que indicavam que a barragem estava em boas condições de funcionamento, junto a entidades governamentais, em 2017.

Os indiciamentos são resultado da primeira parte das investigações da PF. O caso também é investigado pela Polícia Civil de Minas Gerais. Além dos 13 procedimentos já realizados, outros devem acontecer com o andamento das investigações e da conclusão das perícias sobre crimes ambientais e os homicídios.

O rompimento da barragem I da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, na Grande BH, ocorreu em 25 de janeiro deste ano. Quase oito meses após a tragédia, 21 pessoas continuam desaparecidas e o total de mortos identificados chega a 249.

Procuradas, a Vale e a TÜV SÜD ainda não se posicionaram sobre a decisão da Polícia Federal.
« PREV
NEXT »

Nenhum comentário

Postar um comentário