José Aldo é novamente derrotado por Max Holloway e fica sem o cinturão | ilha FM - Paulo Afonso
últimas Notícias

4 de dez de 2017

José Aldo é novamente derrotado por Max Holloway e fica sem o cinturão

O brasileiro foi dominado pelo norte-americano mais uma vez e não conseguiu recuperar o título (Foto: Reprodução/Instagram)

Em uma noite ruim para os lutadores brasileiros, José Aldo não conseguiu recuperar o título da categoria peso-pena na revanche contra o americano Max Holloway, em combate do UFC 218 realizado na madrugada deste domingo (03/12), na Little Caesars Arena, em Detroit, Estados Unidos.

Holloway, que havia nocauteado o lutador manauara no confronto anterior, ocorrido em junho deste ano no Rio de Janeiro, obteve a vitória por nocaute técnico no terceiro round e manteve o cinturão da categoria no principal campeonato de MMA do mundo.

Aldo havia conseguido a oportunidade de enfrentar novamente o rival na disputa ao cinturão depois da lesão de Frankie Edgar, mas Holloway foi dominante e obteve uma vitória contundente. As únicas derrotas de Aldo desde 2011 haviam sido justamente para Conor McGregor e Max Holloway.

José Aldo perdeu pela primeira vez o cinturão em dezembro de 2015, ao ser nocauteado pelo irlandês Conor McGregor, com impressionantes 13 segundos de luta. Em uma segunda oportunidade, tornou-se campeão interino, ao vencer Frankie Edgar em julho de 2016 por decisão unânime. Em novembro do mesmo ano, foi confirmado como campeão linear da categoria após McGregor ter sido destituído por falta de defesa do título.

Os outros brasileiros que entraram no octógono nesta noite, Alex Cowboy e Charles do Bronx também foram derrotados em lutas de suas respectivas categorias. Como José Aldo, Cowboy caiu por nocaute técnico no terceiro round diante de Yancy Medeiros. Já Charles sofreu o nocaute técnico no segundo assalto do duelo diante de Paul Felder.

Confira os resultados do UFC 218:

Card Principal:

Max Holloway derrotou José Aldo Júnior por nocaute técnico no 3º round, mantendo seu título dos penas.

Francis Ngannou derrotou Alistair Overeem por nocaute no 1º round em combate dos peso-pesados

Henry Cejudo derrotou Sergio Pettis por decisão unânime pela categoria peso-mosca

Eddie Alvarez derrotou Justin Gaethje por nocaute técnico no 3º round, em combate da categoria peso-leve

Tecia Torres derrotou Michelle Waterson por decisão unânime pela categoria peso-palha

Card Preliminar:

Paul Felder derrotou o brasileiro Charles do Bronx por nocaute no 2º round na categoria peso-leve

Yancy Medeiros derrotou o brasileiro Alex Cowboy por nocaute técnico no 3º round pela categoria dos meio-médios

David Teymur venceu por decisão unânime Drakkar Klose na categoria peso-leve

Felice Herrig venceu por pontos Cortney Casey em decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28), na categoria peso-palha

Abdul Razak Alhassan derrotou Sabah Homasi por nocaute técnico no 1º round, pela divisão dos meio-médios

Dominick Reyes derrotou Jeremy Kimball por mata-leão no 1º round, pela divisão dos meio-pesados

Justin Willis derrotou Allen Crowder por nocaute no 1º round, pela divisão dos peso-pesados

Amanda Cooper derrotou Angela Magaña por nocaute técnico no 2º round, pela divisão peso-palha


« PREV
NEXT »

Nenhum comentário

Postar um comentário