Método de Cunha volta a ser usado no Congresso | ilha FM - Paulo Afonso
últimas Notícias

12 de mai de 2017

Método de Cunha volta a ser usado no Congresso

Primeiro, bombardeie uma medida provisória. Depois, procure as empresas interessadas em sua aprovação (Foto: Reprodução)

Eduardo Cunha usava um método bastante eficaz para conseguir favores de empresas.

Toda vez que um projeto chegava às suas mãos, inseria emendas em série para atravancar a pauta.

Em seguida, procurava empresários interessados na aprovação do projeto, prometendo-lhes encerrar as emendas em troca de favores.

Esse tipo de estratégia, ao que parece, está de volta.

Recentemente, o deputado federal Newton Cardoso Jr. (PMDB-MG), inseriu nada menos que nove emendas à Medida Provisória 766. O programa de regularização tributária, chamado de Refis, ficou desfigurado com as intervenções.

Entre as sugestões de Cardoso Jr. estavam ideias estapafúrdias, como a suspensão de benefícios dados para a Zona Franca de Manaus.

A tentativa acabou barrada pelo presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE). Depois de conversar com Michel Temer e Eliseu Padilha, ele decidiu  remover ontem todas as emendas com base numa decisão do Supremo.

Ela determina que emendas só são válidas caso estejam relacionadas ao assunto tratado pelo projeto inicial.

« PREV
NEXT »

Nenhum comentário

Postar um comentário