NBA: Spurs bate o Pelicans em noite de homenagens a Tim Duncan | ilha FM - Paulo Afonso
últimas Notícias

19 de dez de 2016

NBA: Spurs bate o Pelicans em noite de homenagens a Tim Duncan

Spurs bate Pelicans na NBA (Foto: Reprodução/EFE)

Pela primeira vez desde 1996/1997, o San Antonio Spurs está tendo que disputar uma temporada na NBA sem a presença de Tim Duncan, mas ao menos no domingo o ala/pivô voltou a ser protagonista no AT&T Center. Em uma noite repleta de homenagens ao maior jogador da história da franquia, o time texano derrotou o New Orleans Pelicans por 113 a 100 e chegou à quarta vitória consecutiva.

Duncan teve sua camisa 21 aposentada no domingo. O jogador foi o grande responsável pela ascensão da franquia e participou dos cinco títulos de sua história, em 1998/99, 2002/03, 2004/05, 2006/07 e 2013/14. Foi duas vezes MVP (jogador mais valioso) da NBA, em 2001/2002 e 2003/2004, e é o único da história a ter mais de mil vitórias (1.072) com a mesma equipe.

"Para todos vocês aqui, os torcedores, todos em San Antonio, obrigado. O amor e apoio de vocês foram incríveis, especialmente nas últimas semanas. Eu ouvi de meus companheiros, dos caras com quem sempre estive, os jogadores com quem joguei, uma resposta incrível, uma incrível quantidade de amor pelo que signifiquei a eles. E isso não explica o que eles significam para mim, porque eu tenho muito amor deles, de meus companheiros", disse Duncan.

A homenagem ao jogador contou com a presença de alguns companheiros históricos, como David Robinson, Bruce Bowen, Manu Ginóbili e Tony Parker. O mais emocionado, no entanto, era o técnico Gregg Popovich, que chegou a interromper sua fala em certo momento para conter o choro.

"Este é o comentário mais importante que eu posso fazer sobre Tim Duncan: posso dizer honestamente ao Senhor e à Senhora Duncan, que já faleceu, que este homem aqui é exatamente o mesmo que era quando entrou pela porta pela primeira vez", afirmou o treinador, antes de deixar a quadra abraçado ao ex-jogador.

Em quadra, o Spurs honrou seu maior ídolo e não teve maiores dificuldades para vencer pela 22.ª vez na temporada, na vice-liderança da Conferência Oeste. O destaque, mais uma vez, ficou por conta de Kawhi Leonard, autor de 22 pontos. Pelo Pelicans, Anthony Davis deixou a quadra com somente 12 pontos.

Ainda no Oeste, o Los Angeles Clippers seguiu com seu inferno astral ao perder novamente, desta vez para o Washington Wizards. O time que já liderou a conferência caiu por 117 a 110 na capital norte-americana, diante de um adversário que é somente o 11.º no Leste.

Foi a oitava derrota do Clippers, agora o quarto do Oeste, apesar dos 26 pontos de Blake Griffin e dos "double-doubles" de Chris Paul (13 pontos e 12 assistências) e DeAndre Jordan (13 pontos e 17 rebotes). Mas o Wizards, que venceu pela 12.ª vez na temporada, contou com os 41 pontos de um inspirado Bradley Beal

Já pela Conferência Leste, o Toronto Raptors venceu pela 19.ª vez e colou no líder Cleveland Cavaliers. O segundo colocado passou com extrema facilidade pelo Orlando Magic por 109 a 79, graças aos 31 pontos de DeMar DeRozan. Pelo Magic, 12.º da conferência, destaque para os 15 pontos de Evan Fournier.


« PREV
NEXT »

Nenhum comentário

Postar um comentário