Bahia: Polícia divulga retrato falado de estuprador que atacou jovem em ponto de ônibus em Salvador (BA) | ilha FM - Paulo Afonso
últimas Notícias

22 de dez de 2016

Bahia: Polícia divulga retrato falado de estuprador que atacou jovem em ponto de ônibus em Salvador (BA)

Retrato falado de suspeito de estuprar jovem que estava em ponto de ônibus em Salvador (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Uma jovem estudante de 21 anos foi atacada por um homem quando estava em um ponto de ônibus em Salvador e levada para um matagal na região da Avenida Juracy Magalhães, uma das principais da cidade, onde foi estuprada. Ele cometeu o crime chamando a vítima pelo nome de uma mulher, que disse ser o da namorada.

O caso ocorreu no sábado (17/12), mas na manhã desta quinta-feira (22/12) a Polícia Civil da Bahia revelou detalhes do caso e divulgou retrato falado do suspeito.

O crime está sendo investigado pela delegada Francineide Moura, titular da 28ª Delegacia Territorial (DT/Nordeste de Amaralina).

A estudante contou à polícia que foi atacada, por volta das 19h, quando estava no ponto de ônibus na saída do Vale das Pedrinhas, sentido Avenida ACM, quando foi abraçada pelas costas pelo criminoso, que a beijou no rosto e pediu que passasse a mão no corpo dele. A vítima percebeu que ele estava armado com uma faca e o acompanhou como se fossem namorados.

De acordo com a Polícia Civil, no matagal, o criminoso obrigou a vítima a tirar a roupa e permaneceu com ela por mais de duas horas.

A vítima relatou em depoimento que o estuprador revelou ter saído recentemente do presídio e que queria saber o nome dela, idade e o que fazia, pois a levaria de volta ao ponto, e, se fossem abordados, diria que eram namorados.

A jovem entrou em estado de choque e foi socorrida ao Hospital Geral do Estado (HGE) após o crime. Depois, foi encaminhada para realização de exames e receber medicamentos no Hospital Couto Maia.

De acordo com a polícia, o retrato falado foi elaborado pela Coordenação de Topografia, Modelagem e Desenho, do Departamento de Polícia Técnica (DPT), e mostra um homem aparentando entre 20 e 22 anos, pardo claro, alto, cabelos e cavanhaque descoloridos.

Informações sobre o paradeiro do criminoso podem ser dadas ao Disque Denúncia no telefone 3235-0000 ou para os números 3116-3108 ou 3116-3112, que pertencem à 28ª DT/Nordeste de Amaralina. Segundo a Polícia Civil, o anonimato é garantido.


« PREV
NEXT »

Nenhum comentário

Postar um comentário